Checklist para supermercado: descubra quais são os principais

O checklist para supermercado é uma ferramenta essencial para validação de processos. Mas que checklists são esses e como eles podem ser aplicados no setor atacadista? É isso que vamos explicar neste artigo. Boa leitura!

ícone autor blogpost Luciana Silva ícone data de postagem e atualização12/11/2020 ícone data de postagem e atualização16/11/2020 ícone comentários0 comentários ícone categoria principal Checklists ícone tempo de leitura 4 minutos
Compartilhe este Post  : 

O checklist para supermercado é uma ferramenta essencial para validar processos. Mas por que é importante fazer isso? Para garantir, principalmente, a qualidade na entrega dos produtos ao cliente e, assim, melhorar os resultados.

Mas, afinal, o que são checklists? São listas de verificação, cujo modelo varia de acordo com o objetivo e o setor de implementação. Ele pode se apresentar sob formato de formulários, planilhas ou listas, por exemplo. Hoje, muitas companhias empregam softwares para facilitar o compartilhamento de informações e agilizar processos internos. 

Nesse cenário, quais são os checklists para supermercados e como podem ser aplicados no setor atacadista? É isso que vamos explicar neste artigo. Boa leitura!

8 principais tipos de checklist para supermercado

Com a entrada e a saída diária de mercadorias, fluxo de pessoas e atividades cotidianas, o controle de processos é fundamental. Devido a essa diversidade, geralmente, são utilizados diferentes checklists para cada unidade nos supermercados

Abaixo, listamos os principais setores que aplicam a ferramenta e explicamos como ela pode agregar à unidade — e à empresa como um todo. 

1. Abertura de frente de loja

Esse checklists para supermercados é utilizado para conferir se todos os procedimentos são feitos corretamente. Isso inclui verificar se o material é guardado adequadamente após a abertura da loja, se o colaborador está devidamente uniformizado e se a execução do procedimento é pontual.

O seu uso garante mais agilidade ao processo, evitando, portanto, que os clientes tenham que esperar além do tempo para a entrada. 

2. Açougue

O checklist na área de açougue é fundamental para garantir a segurança alimentar, bem como a proteção do próprio colaborador. Deve-se verificar algumas questões, como:

  • Utilização de uniforme;
  • Normas de higiene;
  • Atendimento ao cliente;
  • Disposição dos alimentos na vitrine;
  • Validade dos produtos.

3. Auditoria de bebidas

Já na auditoria de bebidas, a ferramenta pode ser utilizada para verificar se as ofertas foram dispostas na gôndola e se os preços estão corretos. Junto a isso, se as bebidas que necessitam de condicionamento especial estão na temperatura adequada.

Ou seja: ela vai além de verificar se os produtos estão corretamente dispostos, de modo a garantir a conservação do conteúdo da embalagem. No caso, permite, também, a avaliação dos preços, que devem estar corretamente dispostos, o transporte e o manuseio dos produtos.

4. Fiambreria 

Assim como na unidade do açougue, o checklist da fiambreria verifica se os colaboradores atendem às normas de higiene dos produtos, bem como avalia se a vitrine está corretamente disposta.

Também são consideradas algumas questões, como:

  • Validade dos itens;
  • Atendimento ao cliente;
  • Procedimentos de segurança.

5. Frente de caixa

Esse checklist para supermercado consiste em avaliar se todas as operações são feitas corretamente e se o atendimento ao cliente é satisfatório. Portanto, o desempenho do colaborador será diretamente avaliado.

Costumam ser analisadas questões como:

  • Evolução do treinamento;
  • Utilização do uniforme;
  • Oferta de inserção do CPF na nota do cliente;
  • Agilidade no atendimento;
  • Limpeza do balcão.

O atendimento do caixa é um dos pontos mais avaliados pelos clientes, já que representa a última etapa da experiência de compra. Por isso, é muito importante garantir que todos os procedimentos sejam realizados da forma correta.

6. Limpeza

Realizar a verificação dos procedimentos de limpeza também é uma etapa importante para oferecer uma experiência de compra positiva para o consumidor.

Com o checklist, pode-se avaliar se foi instalada a sinalização após a limpeza. Ainda, se há alimentos frescos — como frutas e legumes — expostos nas proximidades do local que possam ser contaminados durante o processo. 

7. Manutenção

O checklist de manutenção deve ser realizado de forma periódica. Durante a operação, devem ser avaliadas algumas questões, como a existência de rachaduras, infiltrações, mofo, entre outros possíveis problemas.

Além disso, pode-se verificar se foram agendadas as datas para os reparos e se existem serviços emergenciais para serem executados.

8. Normas e procedimentos

Esse modelo consiste em avaliar se todas as operações são realizadas conforme as normas estabelecidas pela empresa. Assim, costuma-se verificar os seguintes itens:

  • Procedimentos de segurança;
  • Procedimentos de reposição;
  • Cumprimento de padrões internos de qualidade, exposição de produtos, limpeza e atendimento.

Efetuar a análise das normas e procedimentos é uma etapa essencial para garantir que todos os setores da loja estão alinhados. E, com isso, oferecer a melhor experiência possível ao consumidor. 

Além dos checklists para supermercado listados acima, a empresa ainda pode elaborar formulários específicos para outros setores, tais como:

  • Hortifruti;
  • Lanchonete;
  • Padaria;
  • Peixaria;
  • Perfumaria;
  • Ponto eletrônico;
  • Pré-inventário;
  • Recebimento de produtos;
  • Rotisseria;
  • Vitrine.

Qual é a importância de utilizar checklist para supermercado?

Ele oferece maior controle nos procedimentos da empresa e permite uma visão holística de todas as operações. Desta forma, trata-se de uma ferramenta fundamental para preservar os padrões de qualidade da loja, garantindo uma entrega satisfatória.

Abaixo, detalhamos os principais benefícios de utilizá-lo no dia a dia. Confira!

Permite maior eficiência de processos

O seu uso permite que funcionários e colaboradores possam executar todas as suas tarefas com excelência, sem pular nenhuma etapa.

Isso garante um trabalho mais ágil e efetivo, além de promover outros benefícios, incluindo a segurança dos trabalhadores e clientes, produtos de qualidade e prevenção de perdas.

Promove melhorias para a gestão

Como os formulários são elaborados pelos funcionários da alta gerência, permitem maior controle dos procedimentos realizados. As plataformas de checklist, por exemplo, possibilitam que o gerente visualize o andamento das tarefas de forma remota, mas em tempo real.

Isso garante uma supervisão eficiente e a otimização de atividades, liberando a supervisão para focar em outras questões paralelamente. 

Fideliza o cliente

O software é uma importante ferramenta para auxiliar na preservação dos padrões de qualidade da loja. Isso garante que o consumidor retorne mais vezes ao estabelecimento, promovendo, assim, sua fidelização. 

O checklist para supermercado pode auxiliar significativamente na gestão das atividades diárias da loja, além de agilizar processos e assegurar uma entrega de qualidade. Portanto, é um investimento extremamente necessário para empresas que desejam se destacar da concorrência e expandir mercado.

E aí, gostou do nosso artigo? Que tal começar a aplicar checklists hoje? Temos diversos modelos na nossa página de materiais gratuitos, não deixe de conferir!

Quer saber mais sobre como o nosso sistema de checklist digital e automatizado pode ajudar na gestão do seu supermercado? Então agende uma demonstração agora mesmo!

Luciana Silva

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *