Exemplos de indicadores para empresas: 9 métricas para acompanhar o desempenho do seu modelo de negócio

Você deseja saber como está o desempenho do seu negócio? Então precisa conhecer exemplos de indicadores para empresas e selecionar aqueles que suprem suas necessidades gerenciais. Continue a leitura e veja 9 sugestões de métricas!

Tempo de leitura: 4 minutos
Profissionais olhando exemplos de indicadores para empresas

“Como saber se a minha empresa está no caminho certo?”. Essa é uma dúvida muito comum entre gestores e empresários. E a resposta é: conhecendo os exemplos de indicadores para empresas. E, a partir disso, acompanhando os chamados indicadores-chave de desempenho – KPIs.

Os KPIs são ferramentas de gestão indispensáveis para mensurar e monitorar o desempenho da empresa em diferentes aspectos. Tratam-se de métricas que indicam o progresso dos esforços individuais e coletivos em direção a metas e objetivos que a empresa considera relevantes e deseja alcançar.

Ou seja, os indicadores de desempenho podem ser definidos como instrumentos necessários para avaliar a performance da empresa como um todo e a efetividade das estratégias de negócio implementadas.

Se você não faz uso de KPIs e não sabe quais utilizar no seu modelo de negócio, fica tranquilo que este conteúdo vai esclarecer as suas dúvidas.

Nos parágrafos a seguir, você vai descobrir 9 exemplos de indicadores para empresas:

  1. Leads gerados por mês;
  2. Taxa de conversão em vendas;
  3. Faturamento;
  4. Ticket médio;
  5. Customer Lifetime Value;
  6. Custo de Aquisição de Clientes;
  7. Retorno sobre o Investimento;
  8. Market Share;
  9. Net Promoter Score.

Continue a leitura e saiba quais métricas adotar para fazer o correto monitoramento do desempenho de seus colaboradores, processos e estratégias.

Você sabe como fazer a gestão de seus indicadores de desempenho? Se quer entender esse assunto melhor, assista a este vídeo com excelentes dicas:

Qual a importância de conhecer os exemplos de indicadores para as empresas?

Antes de mostrarmos os exemplos de indicadores para empresas, é necessário ressaltarmos a importância de utilizar esse tipo de ferramenta de gestão.

Os KPIs possibilitam um maior entendimento a respeito do potencial de cada colaborador e da empresa em geral.

Como o que não se mede não se gerencia, essas métricas fornecem dados que permitem compreender melhor a situação atual e tomar decisões mais assertivas e bem fundamentadas.

Com a gestão dos indicadores, tem-se uma noção mais clara sobre os ajustes necessários para garantir o alcance de melhores resultados; eles favorecem a cultura da melhoria contínua

A partir do bom uso dos indicadores, a empresa consegue se fortalecer competitivamente e se destacar no mercado.

Antes de conferir nossa lista, dê uma olhada também neste indicadores financeiros:

Exemplos de indicadores para empresas: quais eu devo utilizar?

Existe uma infinidade de exemplos de indicadores para empresa. Tendo isso em vista, separamos aqui 9 das principais métricas que você pode implementar no seu modelo de negócio.

1 – Leads gerados por mês

Esse indicador é utilizado para mensurar a eficácia das suas estratégias de marketing para atrair potenciais clientes e gerar leads. É um dos mais usados indicadores de vendas em sites de e-commerce.

2 – Taxa de conversão em vendas

Do total de leads capturados, quantos a equipe de vendas conseguiu converter em vendas? Essa porcentagem mostra o quanto a equipe de vendas está conseguindo ser eficiente na conquista de novos clientes.

3 – Faturamento

O indicador de faturamento mostra quanto a empresa conseguiu faturar em vendas durante um período específico de análise. Quanto maior, melhor. 

Pode parecer um indicador simples, e, na verdade, ele indica apenas um resultado final e não como se chegou nele. No entanto, é importante ter essa perspectiva em mente. Porque se a empresa está dando prejuízo ou faturando pouco e todos os outros indicadores estão bem, isso mostra que é hora de tocar os indicadores que estão sendo usados.

4 – Ticket médio

O ticket médio é uma métrica que avalia quanto, em média, cada cliente gera de receita para a empresa. O cálculo é feito dividindo o total de faturamento pelo total de clientes que efetuaram compras durante o período de análise.

5 – Customer Lifetime Value

Este indicador mostra quanto cada cliente gera de receita para a empresa durante todo o tempo de vida do relacionamento entre ele e a empresa. Para calcular, siga a fórmula:

  • CLV = ticket médio X frequência de compra X tempo médio de duração do relacionamento

6 – Custo de Aquisição de Clientes

Este KPI mede quanto a empresa precisou desembolsar para conquistar cada um de seus novos clientes dentro de um período de análise. Basta dividir o valor total do investimento nas ações de marketing pelo total de novos clientes adquiridos. 

É fundamental que o CAC seja sempre inferior ao CLV.

7 – Retorno sobre o Investimento

O Retorno sobre o Investimento (ROI) é um KPI que mede a capacidade de recuperar o dinheiro investido em determinados projetos.

8 – Market Share

O Market Share indica a participação da empresa no mercado em que ela atua. Quanto maior for a fatia do mercado que a empresa detém, mais competitiva ela é. O cálculo é feito a partir da divisão do faturamento da empresa pelo faturamento do mercado.

9 – Net Promoter Score

Este indicador tem como objetivo mensurar o nível de satisfação dos clientes. Para isso, é feita uma pesquisa com os clientes na qual eles devem responder, de 0 a 10, qual a chance de eles indicarem a empresa para um amigo.

Os respondentes são divididos em grupos de acordo com suas respostas:

  • Promotores: 9 e 10
  • Neutros: 7 e 8
  • Detratores: 0 a 6

Para calcular o NPS, aplica-se a seguinte fórmula:

  • NPS = (Promotores – Detratores) / Total de respondentes

Veja mais sobre estes indicadores de qualidade, que também são fundamentais para qualquer empresa:

Bom, esses foram os nossos principais exemplos de indicadores para empresas. O que você achou?

Implemente essas métricas no seu modelo de negócio e promova a melhoria contínua de seus processos e estratégias.

Este post foi escrito pela equipe da Siteware, uma empresa que une pessoas, operação e estratégia em um único software e painel de indicadores de desempenho, para que as empresas melhorem seus resultados, sua comunicação e sua governança.

Convidados especiais fazem parte do nosso blog. Especialistas incríveis que podem contribuir com conteúdo de qualidade para os leitores.
Autor convidado

Posts Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *